Jesús Abad Colorado: fotógrafo conhecido por retratar a guerra entre as FARC e governo colombiano

Foi assinado ontem (26/09), na Colômbia, um acordo de paz entre governo e as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (FARC) que põe fim a um conflito de mais de 50 anos naquele país, e que deixou cerca de 260 mil mortos, além de milhares de desaparecidos. Neste momento histórico, damos sequência ao projeto Apresentando Grandes Fotógrafos com o trabalho do fotojornalista colombiano Jesús Abad Colorado.

Nascido em Medellín em 1967, Abad Colorado trabalhou como Repórter Fotográfico do jornal El Colombiano entre 1992 e 2001 e retratou como poucos a guerra entre o governo colombiano e as FARC. O sofrimento das comunidades afetadas pela guerra, os atos de resistência e as cicatrizes de um conflito de meio século de existência estão presentes no seu trabalho. Para o registro documental de uma guerra, Jesús Abad escolheu o preto e branco: “Creo que es más respetuoso. El color agrede en situaciones de violencia. El blanco y negro le da más carácter de documento, de duelo”, conta.

Suas lentes estavam, sobretudo, focadas nos civis. Naqueles que se encontravam em meio ao fogo cruzado e eram principais vítimas da guerra nas últimas décadas. Foi assim que conseguiu fotos impressionantes, como a de uma criança, que fecha a camisa de seu pai, assassinado pelos paramilitares em San Carlos, em outubro de 1998. A mesma cidade em que, 38 anos antes, a família do próprio Jesús Abad Colorado havia fugido em função da guerra.

10

Sobre o registro da dor dos outros em momentos tão difíceis, Jesús Abad Colorado comenta:“Si yo le doy importancia a un ser humano y él entiende mi solidaridad, seguro no hay problemas en tener ese registro, es mi deber de memoria. Soy testigo”.

Jesús Abad participou de mais de trinta exposições individuais e coletivas e ganhou três vezes o prestigiado Prêmio Simón Bolívar de Jornalismo, da Colombia. Ele é co-autor do livro Relatos e Imágenes: El desplazamiento Forzado en Colombia e Desde la prisión, Realidades de las Cárceles en Colombia.

Confira abaixo entrevista com o fotógrafo e trabalho em vídeo:

E fotografias de uma Colômbia assombrada pela guerra:

Foto: Jesús Abad Colorado
Foto: Jesús Abad Colorado
Enterro coletivo das vítimas de um ataque dos guerrilheiros a um gasoduto em 1998, onde 78 pessoas morreram. Foto: Jesús Abad Colorado
Enterro coletivo das vítimas de um ataque dos guerrilheiros a um gasoduto em 1998, onde 78 pessoas morreram. Foto: Jesús Abad Colorado
Operação do exército colombiano contra ataques da guerrilha, em Jurado, Chocó, em 1999. Foto: Jesús Abad Colorado
Operação do exército colombiano contra ataques da guerrilha, em Jurado, Chocó, em 1999. Foto: Jesús Abad Colorado
Ataque da guerrilha a uma igreja em Bojayá, Chocó. 2002. Foto: Jesús Abad Colorado
Ataque da guerrilha a uma igreja em Bojayá, Chocó. 2002. Foto: Jesús Abad Colorado
Soldado chora após a guerrilha assassinar sua irmã de 13 anos. As FARC pediram para o soldado sair do exército ou matariam sua família. Foto: Jesús Abad Colorado
Soldado chora após a guerrilha assassinar sua irmã de 13 anos. As FARC pediram para o soldado sair do exército ou matariam sua família. Foto: Jesús Abad Colorado
Exodo campesino en San José de Apartadó devido a violencia da guerra. Foto: Jesús Abad Colorado
Êxodo campesino em San José de Apartadó devido à violência da guerra. Foto: Jesús Abad Colorado
Vilarejo de El Aro, Antioquia. Paramilitares passaram cinco dias no local, onde torturaram e mataram 15 pessoas em praça pública. Em seguida, saquearam e incendiaram o local. Foto: Jesús Abad Colorado
Vilarejo de El Aro, Antioquia. Paramilitares passaram cinco dias no local, onde torturaram e mataram 15 pessoas em praça pública. Em seguida, saquearam e incendiaram o local. Foto: Jesús Abad Colorado
Buracos de bala em uma escola, que estavam em meio ao fogo cruzado. Foto: Jesús Abad Colorado
Buracos de bala em uma escola que estava em meio ao fogo cruzado. Foto: Jesús Abad Colorado
Paramilitares vigiam a cidade de Medellin. Foto: Jesús Abad Colorado
Paramilitares vigiam a cidade de Medellin. Foto: Jesús Abad Colorado
Marcha de habitantes do município de Granada pedindo paz depois que um ataque da guerrilha destruiu parcialmente o local. Foto: Jesús Abad Colorado
Marcha de habitantes do município de Granada pedindo paz depois que um ataque da guerrilha destruiu parcialmente o local. Foto: Jesús Abad Colorado

*Com informações do site BBC Mundo, matéria de Juan Carlos Pérez Salazar, e do site PrixPictet

 

Intervenções urbanas são tema de mostra visual na UFRGS

Estreia hoje, às 17 horas, a mostra “Etnografias compartilhadas: narrativas visuais e sonoras do viver urbano em Porto Alegre”. A exposição é resultado de um trabalho desenvolvido por alunos do curso de Ciências Sociais, em parceria com o Núcleo de Pesquisa em Antropologia Visual, ambos da UFRGS.

Munidos de câmeras e gravadores, os alunos narram diversas histórias, pessoas e paisagens que falam sobre o viver urbano em Porto Alegre. Além da orientação da professora Cornelia Eckert e dos pesquisadores integrantes do NAVISUAL, os alunos também contaram com aulas ministradas por renomados fotógrafos e antropólogos de Porto Alegre, como Fernanda Chemale e Luiz Eduardo Robinson Achutti, durante o primeiro semestre de 2016.

Nesta exposição, a antropologia nos convida a deslocar o olhar do senso comum e do próprio viés acadêmico a partir do diálogo e da escuta atenta e sensível às diferentes formas de viver a cidade.

Abertura: 23 de agosto de 2016 as 17h
Visitação: De 24 de agosto a 23 de setembro
Horário: De segunda a sexta, das 08h às 18h
Local: Saguão da Reitoria da UFRGS | Av. Paulo Gama, 110.

Confira alguns trabalhos presentes na Exposição:

LAMBEART_GUI_9915-13
Grupo “Lambendo a Cidade” retratou as intervenções em forma de lambe-lambe
LAMBEART_IMG_0442-2
Grupo “Lambendo a Cidade” retratou as intervenções em forma de lambe-lambe
GIF1
“Pistas e “picos”: Antropologia Visual e Skate em Porto Alegre
GIF3
“Pistas e “picos”: Antropologia Visual e Skate em Porto Alegre

Fotojornalista ganha ação judicial por foto publicada sem autorização

Do site Arfoc-SP

O fotojornalista Léo Pinheiro, ganha ação judicial no valor de R$40 mil, do Partido Socialista Brasileiro (PSB) pela utilização de fotografia de sua autoria, em propaganda partidária televisiva, veiculada no ano de 2013.

Não bastasse usar sem creditar o autor, também foi modificada em sua publicação – a foto original, em cores, foi apresentada em preto e branco e com um recorte diferente, além de não pagar os direitos autorais pela veiculação.

A fotografia, registrada em julho de 2013, no Largo da Batata, sobre a manifestação popular do Movimento Passe Livre, foi premiada concurso “Alemanha no Brasil: um espelho em fotos”, na categoria Sociedade,. Nomeada por “Outono Brasileiro”, faz referência às revoltas da Primavera árabe.

“Estava em casa, assistindo TV, logo vejo um comercial do PSB com a minha foto. A propaganda dizia sobre as manifestações que aconteceram naquela época”, relembra Léo.

O fotojornalista resolveu recorrer à justiça, a ação judicial, iniciada em 2013, teve a sentença somente agora, em julho. O partido político foi condenado a pagar indenização no valor de R$ 40 mil.

O PSB foi condenado, em primeira instância, pelo uso indevido de imagem e por alteração da foto original.

A exibição da foto, feriu os direitos autorais, ao ser usada sem a autorização do autor. De acordo com o despacho da sentença, “Houve exibição não autorizada e sem indicação da autoria do trabalho. Com efeito, o art. 24, incisos I e II da Lei nº 9.610/ 98, assegura ao autor o direito de reivindicar a autoria de sua obra e ter seu nome”.

Além do ocorrido não ser permitido, conforme lei federal de direito de imagem, não houve o pagamento por sua utilização. “Não gostaria que minha foto fosse usada para fins políticos”, finaliza Léo.

 

Veranico de julho

Faz 29 graus num domingo de julho, o verão bota o pé na porta do inverno, a bermuda grita para sair do armário e as mangas compridas são assassinadas! Vida longa ao Veranico de Julho!

Galeria feita na sexta-feira, em pleno inverno.

01/07/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Fim de semana deve ser de tempo bom e aumento nas temperaturas. / clima / sol / calor / veranico. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
01/07/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Fim de semana deve ser de tempo bom e aumento nas temperaturas. / clima / sol / calor / veranico. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
01/07/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Fim de semana deve ser de tempo bom e aumento nas temperaturas. / clima / sol / calor / veranico. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
01/07/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Fim de semana deve ser de tempo bom e aumento nas temperaturas. / clima / sol / calor / veranico. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
01/07/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Fim de semana deve ser de tempo bom e aumento nas temperaturas. / clima / sol / calor / veranico. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
01/07/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Fim de semana deve ser de tempo bom e aumento nas temperaturas. / clima / sol / calor / veranico. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
01/07/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Fim de semana deve ser de tempo bom e aumento nas temperaturas. / clima / sol / calor / veranico. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
01/07/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Fim de semana deve ser de tempo bom e aumento nas temperaturas. / clima / sol / calor / veranico. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21

Pela garantia da cultura na rua, pelo direito à cidade

Foi do meio dia às 22 horas da noite e teve muita cultura, diversão e arte na rua! O Ato Cultural Pela Garantia do Nosso Direito à Cidade ocorreu em frente à Prefeitura e chamou atenção para uma minuta que restringe todo e qualquer tipo de evento e manifestação na cidade a partir da exigência de autorização prévia e pagamento de taxas para o uso da via pública. A minuta foi criada pelo gabinete do vice-prefeito e candidato a Prefeitura de Porto Alegre, Sebastião Melo.

“Uma festa de criança que tu for fazer em um parquinho vai ultrapassar as 30 pessoas e tu vai ser taxado. Isso não é aceitável, uma cidade em que tu não pode se reunir com mais de 30 amigos num parque, fazer uma roda de violão. Não é nem só os artistas de rua”, ponderou Núbia Quintana, artista cênica. (leia matéria completa no Sul21)

Abaixo, fotografias de algumas das apresentações ao longo do dia de ontem:

07/06/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Ato dos artistas de rua, em frente a Prefeitura. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
07/06/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Ato dos artistas de rua, em frente a Prefeitura. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
07/06/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Ato dos artistas de rua, em frente a Prefeitura. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
07/06/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Ato dos artistas de rua, em frente a Prefeitura. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
07/06/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Ato dos artistas de rua, em frente a Prefeitura. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
07/06/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Ato dos artistas de rua, em frente a Prefeitura. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
07/06/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Ato dos artistas de rua, em frente a Prefeitura. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
07/06/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Ato dos artistas de rua, em frente a Prefeitura. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
07/06/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Ato cultural pelo direito a cidade. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
07/06/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Ato cultural pelo direito a cidade. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
07/06/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Ato cultural pelo direito a cidade. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
07/06/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Ato cultural pelo direito a cidade. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
07/06/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Ato cultural pelo direito a cidade. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
07/06/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Ato cultural pelo direito a cidade. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
07/06/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Ato cultural pelo direito a cidade. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21

Dilma em Porto Alegre

A presidenta afastada Dilma Roussef veio na sexta-feira a Porto Alegre para lançar o livro “A Resistência ao Golpe de 2016”, no Teatro Dante Baroni, da Assembleia Legislativa do RS. Após, participou de ato na Esquina Democrática. Confira a cobertura fotográfica do dia e alguns retratos da presidenta:

03/06/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Ato feminista se concentra em frente à Assembleia Legislativa para receber a presidenta Dilma Rousseff. Foto: Joana Berwanger/Sul21
Foto: Joana Berwanger/Sul21
03/06/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Ato feminista se concentra em frente à Assembleia Legislativa para receber a presidenta Dilma Rousseff. Foto: Joana Berwanger/Sul21
Foto: Joana Berwanger/Sul21
03/06/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Ato feminista se concentra em frente à Assembleia Legislativa para receber a presidenta Dilma Rousseff. Foto: Joana Berwanger/Sul21
Foto: Joana Berwanger/Sul21
20160603-jornal-sul21-gs-030616-5680-01
Foto: Guilherme Santos/Sul21
20160603-jornal-sul21-gs-030616-5745-04
Foto: Guilherme Santos/Sul21
20160603-jornal-sul21-gs-030616-5725-02
Foto: Guilherme Santos/Sul21
20160603-jornal-sul21-gs-030616-6169-35
Foto: Guilherme Santos/Sul21
20160603-jornal-sul21-gs-030616-6032-23
Foto: Guilherme Santos/Sul21
20160603-jornal-sul21-gs-030616-5818-06
Foto: Guilherme Santos/Sul21
20160603-jornal-sul21-gs-030616-5964-11
Foto: Guilherme Santos/Sul21
20160603-jornal-sul21-gs-030616-5905-09
Foto: Guilherme Santos/Sul21
20160603-jornal-sul21-gs-030616-6055-24
Foto: Guilherme Santos/Sul21
Jornal-Sul21-GS-5855-22
Foto: Guilherme Santos/Sul21
Jornal-Sul21-GS-6276-03
Foto: Guilherme Santos/Sul21
Jornal-Sul21-GS-6333-05
Foto: Guilherme Santos/Sul21
20160603-jornal-sul21-gs-030616-6158-34
Foto: Guilherme Santos/Sul21
20160603-jornal-sul21-gs-030616-6287-37
Foto: Guilherme Santos/Sul21
20160603-jornal-sul21-gs-030616-6398-55
Foto: Guilherme Santos/Sul21
Jornal-Sul21-GS-6403-06
Foto: Guilherme Santos/Sul21
20160603-jornal-sul21-gs-030616-6429-58
Foto: Guilherme Santos/Sul21
20160603-jornal-sul21-gs-030616-6008-77
Foto: Guilherme Santos/Sul21

Escolas ocupadas em Porto Alegre

Segundo a página oficial das ocupações, Ocupa Tudo RS, já são, até a publicação deste post, 75 escolas ocupadas em todo o Estado. Acompanhamos até agora quatro escolas de Porto Alegre. Confira abaixo a galeria de fotos e matéria sobre a ocupação no Colégio Paula Soares.

Colégio Emílio Massot:

11/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Estudantes ocupam a Escola Estadual Emílio Massot. Foto: Joana Berwanger/Sul21
Foto: Joana Berwanger/Sul21
11/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Estudantes ocupam a Escola Estadual Emílio Massot. Foto: Joana Berwanger/Sul21
Foto: Joana Berwanger/Sul21
11/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Estudantes ocupam a Escola Estadual Emílio Massot. Foto: Joana Berwanger/Sul21
Foto: Joana Berwanger/Sul21
11/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Estudantes ocupam a Escola Estadual Emílio Massot. Foto: Joana Berwanger/Sul21
Foto: Joana Berwanger/Sul21

Escola Técnica Estadual Ernesto Dornelles:

12/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Protesto na Escola Técnica Estadual Ernesto Dornelles. Foto: Joana Berwanger/Sul21
Foto: Joana Berwanger/Sul21
12/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Protesto na Escola Técnica Estadual Ernesto Dornelles. Foto: Joana Berwanger/Sul21
Foto: Joana Berwanger/Sul21
12/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Protesto na Escola Técnica Estadual Ernesto Dornelles. Foto: Joana Berwanger/Sul21
Foto: Joana Berwanger/Sul21
12/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Protesto na Escola Técnica Estadual Ernesto Dornelles. Foto: Joana Berwanger/Sul21
Foto: Joana Berwanger/Sul21
12/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Protesto na Escola Técnica Estadual Ernesto Dornelles. Foto: Joana Berwanger/Sul21
Foto: Joana Berwanger/Sul21

Colégio Estadual Julio de Castilhos:

13/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Estudantes ocupam Colégio Estadual Julio de Castilhos / ocupação / escolas. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
13/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Estudantes ocupam Colégio Estadual Julio de Castilhos / ocupação / escolas. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
13/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Estudantes ocupam Colégio Estadual Julio de Castilhos / ocupação / escolas. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
13/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Estudantes ocupam Colégio Estadual Julio de Castilhos / ocupação / escolas. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21

Colégio Estadual Paula Soares:

16/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Colégio Estadual Paula Soares é ocupado. / ocupação / estudantes / Foto: Joana Berwanger/Sul21
Foto: Joana Berwanger/Sul21
16/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Colégio Estadual Paula Soares é ocupado. / ocupação / estudantes / Foto: Joana Berwanger/Sul21
Foto: Joana Berwanger/Sul21
16/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Colégio Estadual Paula Soares é ocupado. / ocupação / estudantes / Foto: Joana Berwanger/Sul21
Foto: Joana Berwanger/Sul21
16/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Colégio Estadual Paula Soares é ocupado. / ocupação / estudantes / Foto: Joana Berwanger/Sul21
Foto: Joana Berwanger/Sul21
16/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Colégio Estadual Paula Soares é ocupado. / ocupação / estudantes / Foto: Joana Berwanger/Sul21
Foto: Joana Berwanger/Sul21
16/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Colégio Estadual Paula Soares é ocupado. / ocupação / estudantes / Foto: Joana Berwanger/Sul21
Foto: Joana Berwanger/Sul21
16/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Colégio Estadual Paula Soares é ocupado. / ocupação / estudantes / Foto: Joana Berwanger/Sul21
Foto: Joana Berwanger/Sul21
16/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Colégio Estadual Paula Soares é ocupado. / ocupação / estudantes / Foto: Joana Berwanger/Sul21
Foto: Joana Berwanger/Sul21
16/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Colégio Estadual Paula Soares é ocupado. / ocupação / estudantes / Foto: Joana Berwanger/Sul21
Foto: Joana Berwanger/Sul21
16/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Colégio Estadual Paula Soares é ocupado. / ocupação / estudantes / Foto: Joana Berwanger/Sul21
Foto: Joana Berwanger/Sul21
16/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Colégio Estadual Paula Soares é ocupado. / ocupação / estudantes / Foto: Joana Berwanger/Sul21
Foto: Joana Berwanger/Sul21
16/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Colégio Estadual Paula Soares é ocupado. / ocupação / estudantes / Foto: Joana Berwanger/Sul21
Foto: Joana Berwanger/Sul21

 

O dia de votação na Assembleia Legislativa em fotos

Grande expediente, comunicação de líderes, questões de ordem, discussão sobre projetos de lei, debates de cada emenda, e por aí vai. A terça-feira de votação na Assembleia Legislativa se caracteriza por durar horas, alongando-se, não raro, noite adentro.

Quando acompanhado pelo Jornal Sul21, o blog f/21 passará a publicar um resumo fotográfico do dia de votações no plenário da Assembleia Legislativa.

Ontem, estava na pauta projetos polêmicos como o reajuste de 8,13% aos servidores do judiciário e o limite de cedência de até cinco policiais, civis e militares, para a presidência do Tribunal de Justiça do Estado (TJ), da Assembleia Legislativa e do Tribunal de Contas do Estado (TCE) e gabinete do procurador-geral de Justiça.

Confira a cobertura fotográfica:

17/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - SindJusRS / Assembleia Legislativa. Foto: Joana Berwanger/Sul21
Foto: Joana Berwanger/Sul21
17/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Votação na Assembleia dos reajustes Judiciário, da Defensoria Pública, do Ministério Público e do Tribunal de Contas. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
17/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Votação na Assembleia dos reajustes Judiciário, da Defensoria Pública, do Ministério Público e do Tribunal de Contas. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
17/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Votação na Assembleia dos reajustes Judiciário, da Defensoria Pública, do Ministério Público e do Tribunal de Contas. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
17/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Votação na Assembleia dos reajustes Judiciário, da Defensoria Pública, do Ministério Público e do Tribunal de Contas. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
17/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Votação na Assembleia dos reajustes Judiciário, da Defensoria Pública, do Ministério Público e do Tribunal de Contas. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
17/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Votação na Assembleia dos reajustes Judiciário, da Defensoria Pública, do Ministério Público e do Tribunal de Contas. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
17/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Votação na Assembleia dos reajustes Judiciário, da Defensoria Pública, do Ministério Público e do Tribunal de Contas. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
17/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Votação na Assembleia dos reajustes Judiciário, da Defensoria Pública, do Ministério Público e do Tribunal de Contas. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
17/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Votação na Assembleia dos reajustes Judiciário, da Defensoria Pública, do Ministério Público e do Tribunal de Contas. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
17/05/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Votação na Assembleia dos reajustes Judiciário, da Defensoria Pública, do Ministério Público e do Tribunal de Contas. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21

 

Fotógrafo brasileiro ganha Pulitzer 2016 e é contra o golpe

O Fotógrafo brasileiro Maurício Lima ganhou nesta segunda-feira (18), juntamente com os colegas do jornal The New York Times, Sergey Ponomarev, Tyler Hicks, Daniel Etter,  o Prêmio Pulitzer 2016, um dos mais prestigiados do fotojornalismo mundial, na categoria Breaking News Photography. O trabalho premiado retrata a jornada dos refugiados na Europa.

Lima concedeu entrevista para a Mídia Ninja, onde se posicionou contra o golpe e a favor da democracia. Defendeu, ainda, a democratização da mídia e criticou a cobertura dos grandes jornais.

Veja a entrevista completa e confira biografia e trabalho dos fotógrafos vencedores na página oficial do Prêmio Pulitzer 2016.

(Foto: Mauricio Lima/The New York Times/The Pulitzer Prize)
(Foto: Mauricio Lima/The New York Times/The Pulitzer Prize)
(Foto: Mauricio Lima/The New York Times/The Pulitzer Prize)
(Foto: Mauricio Lima/The New York Times/The Pulitzer Prize)
(Foto: Mauricio Lima/The New York Times/The Pulitzer Prize)
(Foto: Mauricio Lima/The New York Times/The Pulitzer Prize)
(Foto: Mauricio Lima/The New York Times/The Pulitzer Prize)
(Foto: Mauricio Lima/The New York Times/The Pulitzer Prize)
(Foto: Mauricio Lima/The New York Times/The Pulitzer Prize)
(Foto: Mauricio Lima/The New York Times/The Pulitzer Prize)
(Foto: Mauricio Lima/The New York Times/The Pulitzer Prize)
(Foto: Mauricio Lima/The New York Times/The Pulitzer Prize)
(Foto: Mauricio Lima/The New York Times/The Pulitzer Prize)
(Foto: Mauricio Lima/The New York Times/The Pulitzer Prize)
(Foto: Mauricio Lima/The New York Times/The Pulitzer Prize)
(Foto: Mauricio Lima/The New York Times/The Pulitzer Prize)
(Foto: Mauricio Lima/The New York Times/The Pulitzer Prize)
(Foto: Mauricio Lima/The New York Times/The Pulitzer Prize)

 

Retratos dos acampados da Matriz

Durante toda a semana passada, acompanhamos a movimentação no Acampamento da Legalidade e da Democracia, na Praça da Matriz. Diversos grupos de movimentos sociais estavam lá acampados para demonstrar apoio ao mandato da presidenta Dilma Rousseff.

O ensaio fotográfico abaixo, feito durante as pautas, visa retratar um pouco dos acampados na Praça da Matriz, principalmente camponeses ligados ao Movimento dos Trabalhadores Rurais sem Terra.

 

15/04/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Acampamento da legalidade e da democracia / praça da matriz / contra o golpe / movimentos sociais / mst / Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
15/04/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Acampamento da legalidade e da democracia / praça da matriz / contra o golpe / movimentos sociais / mst / Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
15/04/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Acampamento da legalidade e da democracia / praça da matriz / contra o golpe / movimentos sociais / mst / Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
15/04/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Acampamento da legalidade e da democracia / praça da matriz / contra o golpe / movimentos sociais / mst / Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
15/04/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Acampamento da legalidade e da democracia / praça da matriz / contra o golpe / movimentos sociais / mst / Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
15/04/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Acampamento da legalidade e da democracia / praça da matriz / contra o golpe / movimentos sociais / mst / Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
15/04/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Acampamento da legalidade e da democracia / praça da matriz / contra o golpe / movimentos sociais / mst / Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
15/04/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Acampamento da legalidade e da democracia / praça da matriz / contra o golpe / movimentos sociais / mst / Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
15/04/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Acampamento da legalidade e da democracia / praça da matriz / contra o golpe / movimentos sociais / mst / Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
15/04/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Acampamento da legalidade e da democracia / praça da matriz / contra o golpe / movimentos sociais / mst / Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
15/04/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Acampamento da legalidade e da democracia / praça da matriz / contra o golpe / movimentos sociais / mst / Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
11/04/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Acampamento da legalidade e da democracia, na praça da matriz, contra impeachment / golpe / movimento dos sem terra / mst. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21
14/04/2016 - PORTO ALEGRE, RS - Frente Brasil Popular e a Frente Povo Sem Medo, integradas pela CUT-RS e dezenas de entidades sindicais, movimentos sociais e partidos de esquerda, promove uma entrevista coletiva no Acampamento da Legalidade e da Democracia, na Praça da Matriz. Foto: Guilherme Santos/Sul21
Foto: Guilherme Santos/Sul21